top of page

Manifesto de Repúdio a Adalvo Argolo: Membros de Comissões Técnicas de 15 Estados assinam documento


MANIFESTO EQUIPE TECNICA E APOIO ELEIÇÃO CBSURF
.pdf
Fazer download de PDF • 3.62MB

A Confederação Brasileira de Surf, entidade que deveria servir ao surfe brasileiro, está sendo usada apenas para servir aos interesses de Adalvo Argolo, e, o único interesse desse triste personagem que o surfe teve o desprazer de conviver, é manter-se no poder de qualquer forma, a qualquer custo.

Depois de fraudar o contrato de locação de uma sede fantasma da CBSurf, imóvel que por uma dessas grandes coincidências do destino era de Gisele Aguiar Ribeiro Pereira, esposa de Adalvo, que assinou o contrato com a CBSurf afirmando ser solteira, omitindo o nome de casada. Depois de fraudar uma ATA de Assembleia usando seu diretor financeiro o Sr. Ricardo Vargas Freitas da Silva, para assinar como procurador de duas federações e também do suposto representante de atleta Bruno Galini Ramos, sem que o Sr. Ricardo Vargas seja identificado na ATA como outorgado, e também sem as procurações anexadas na ATA, aprovando com essas assinaturas suas contas do ano de 2018. Depois de fraudar o processo eleitoral, onde ele, Adalvo Argolo, nomeou como representante de atletas um presidente de outra confederação, um presidente de ONG e um Juiz de Surfe, pessoas que nunca foram eleitas e que não são atletas, para votarem nele, Adalvo Argolo, na eleição fraudada do dia 30 de dezembro de 2020, depois de tudo isso, com esse comportamento tarimbado, com essa expertise, recentemente, Adalvo Argolo tentou fraudar o processo legal da nova eleição para presidente da CBSurf, que ele está obrigado a realizar por força da justiça, vamos ao caso.

Depois da eleição fraudada de 30 de dezembro, uma eleição tão fraudada que foi cancelada pela justiça por um COLEGIADO DE DESEMBARGADORES, Adalvo Argolo tentou inúmeros recursos para protelar a nova eleição, eleição da qual ele não pode fugir. Em outras frentes de ataque a tudo que é legal, a CBSurf usou a antiga “comissão de atletas”, para tentar fraudar também a nova eleição, usando o mesmo golpe ilegal que cancelou a eleição anterior, vejamos.

A CBSurf enviou a pedido de seu presidente Adalvo Argolo, e-mails aos membros da antiga “comissão de atletas”, comissão dissolvida por decisão judicial, com procurações em anexo solicitando aos mesmos que assinassem. Essas procurações davam poder a um escritório de advocacia, um dos mais caros do país, se não o mais caro na matéria de Direito Esportivo, a recorrer em nome da comissão dissolvida pelo direito deles voltarem a ocupar seus cargos como representantes até o fim de seus mandatos, que se daria em dezembro deste ano. Nós já mostramos esse recurso aqui, agora vamos mostrar o e-mail que a CBSurf mandou para os atletas.

Caso a justiça aceitasse esse recurso, certamente Adalvo chamaria eleição imediatamente, e novamente teria cinco dos oito votos da comissão FAKE, com mais um voto de uma Federação e a desclassificação do pleito eleitoral da maioria das Federações, alegando irregularidades, ele venceria a eleição novamente, usando EXATAMENTE a mesma formula capirotesca que ele usou dia 30 de dezembro de 2020. Se pergunte: Onde Adalvo quer chegar?

A Resposta é, ele não tem mais alternativas, ele está andando em círculos, ele não tem mais como avançar, contudo Adalvo conta com a tolerância da justiça e acredita que ela não vai indicar um interventor, por isso a estratégia dele é a seguinte: A nova comissão de atletas foi eleita para cobrir o restante do mandato da COMISSÃO DE ATLETAS FAKE, esse mandato acaba dia 31 de dezembro deste ano, se Adalvo conseguir esticar a chamada de nova eleição através de manobras judiciais, dia 1º de janeiro ele poderia chamar uma outra nova eleição para REPRESENTANTES DE ATLETAS e assim tentar mudar o cenário ESCABROSO de votos em que ele se encontra. Eu disse poderia, porque todos estão atentos aos zilhões de manobras que ele tenta, inclusive a justiça e até a própria Comissão Eleitoral da CBSurf, que agora não tem mais advogados particulares de Argolo, tão pouco outros tipos de escudeiros estatutários do presidente, como havia anteriormente. Esta nova comissão eleitoral exige inclusive que a CBSurf informe quais pendencias cada Federação têm para que as mesmas possam ser sanadas e assim as Federações terem direito ao voto, algo que não aconteceu na ELEIÇÃO FAKE.


Com relação aos NOVOS REPRESENTANTES DE ATLETAS, eles foram eleitos dia 17 DE SETEMBRO, por tanto há um mês, até hoje, dia 19/10, Adalvo Argolo ainda não publicou o edital de eleição para presidente da Confederação, é bom lembrar que na ocasião da eleição FAKE, Argolo fez eleição para representantes de atletas e eleição para presidente da entidade em menos de 30 dias, por que será que agora está havendo tanta demora?

Com todas essas armadilhas protelativas e recursos judiciais que Adalvo Argolo vem armando ao longo desse processo, o surfe que já era um mero detalhe na sua gestão, agora, é de fato algo que não tem a menor relevância, algo que não existe para a CBSurf.

Os processos judiciais são apenas uma vertente das muitas praticas prejudiciais que a CBSurf adota sobre o comando de Adalvo Argolo. Em detrimento às boas práticas, a CBSurf persegue e prejudica a carreira de competidores que tem algum senso crítico e a “petulância” de questionar essa administração desastrosa, isso vem acontecendo com uma certa frequência com os atletas do Parasurf, sobre tudo com o campeão mundial Roberto Pino. Pino é um crítico declarado da má administração da CBSurf, recentemente ele foi desqualificado para concorrer ao cargo de representante de atletas, agora, o campeão mundial de surfe adaptado, não foi convocado pela CBSurf para participar do mundial que a ISA irá realizar em dezembro nos Estados Unidos.

Essas são as características da atual administração da CBSurf, fraudes, perseguição, descaso, todo tipo de comportamento prejudicial ao bom andamento do esporte. Nunca é demais lembrar, o mandato de Adalvo Argolo venceu dia 31 de dezembro de 2020, a eleição FAKE que ele fez um dia antes de seu mandato acabar foi cancelada pela justiça e isso ELE NÃO PODE MAIS MUDAR, então eu te pergunto: Quem é Adalvo Argolo hoje dentro da CBSurf? A resposta é: UM IMPOSTOR DE MANDATO VENCIDO, alguém sem nenhuma legitimidade, que roubou o surfe dos surfistas, que pratica todos os absurdos na esperança de se manter neste cargo por mais quatro anos. Nuca é demais lembrar novamente, esse Sr. já tem 11 anos no comando da instituição que gere o surfe no Brasil, coincidentemente, o período que o surfe brasileiro morreu internamente, um paradoxo para o país que domina o surfe em âmbito mundial.

Mesmo a CBSurf continuando com suas investidas nos infindáveis recursos que a justiça brasileira oferta a quem pode pagar, o processo chegou em um ponto em que não tem mais volta, acreditamos que Adalvo não chamará eleição por livre e espontânea vontade até novembro, mas certamente a justiça chamará e nós nos veremos livre da era mais nebulosa que o surfe brasileiro já viveu.

A Vision Surf publicou aqui em nosso site, em matéria do dia 21 de setembro deste ano, por tanto há menos de um mês, um MANIFESTO assinado por 12 das 15 Federações existentes no Brasil, no documento elas repudiam por completo a gestão desastrosa de Adalvo Argolo, esse manifesto está anexado à matéria, clique na imagem para conferir.


Agora, membros de comissões técnicas de 15 Estados do Brasil, profissionais como Head Judges, Árbitros, Locutres, Beach Marshall, Spoters, Segurança de Água, Operadores de Sistema de Notas, Fotógrafos, Cinegrafistas, Diretores de Imagens, Profissionais em Transmissões pela Web, Assessores de Imprensa, Comunicação e mais uma gama de gente que faz parte da realização de eventos e circuitos de surfe, também assinaram um MANIFESTO DE REPUDIO A ADMINISTRAÇÃO ADALVO ARGOLO, eles afirmam que essa gestão não condiz com a moralidade que o esporte precisa, que não respeita suas filiadas (as Federações), a boa governança, o estatuto da Confederação, tão pouco as leis desse país, eles afirmam ainda que a atual gestão causou e causa danos IRREPARÁVEIS a toda comunidade do surfe e toda cadeia profissional produtiva. É necessário dar parabéns aos profissionais técnicos, não podemos negar, eles foram precisos. Com a manifestação das comissões técnicas de todo o país, o ciclo de repudio a Adalvo Argolo se fechou, depois de atletas, federações, e comissões técnicas, ficou ainda mais exposto que NIGUÉM SUPORTA MAIS ADALVO ARGOLO NA PRESIDENCIA DA CBSURF, todos esses documentos serão levados à justiça, para que seja solicitado a convocação da nova eleição em até 72 horas. Já se passou um mês desde a eleição para a formação da nova comissão de atletas e Adalvo Argolo está sentado sobre a decisão judicial que ordenou que houvesse em ato continuo à referida eleição, as providencias necessárias para realização de uma nova eleição para presidente da entidade. Apesar da decisão ser clara, Adalvo esta defecando em cima do surfe, dos surfistas e da justiça. POR ENQUANTO!


Enquanto Adalvo continua em sua tentativa de se manter no cargo de presidente da CBSurf a qualquer custo, Teco Padaratz, candidato a presidente da chapa Nação Surfa Brasil, está planejando a mudança com reuniões diárias com atletas, associações, federações, empresários, prefeitos, governadores e até com o Secretário Nacional dos Esportes, trabalhando diuturnamente com sua equipe que tem nomes como Jojó de Olivença, Paulo Moura, Ricardo Bocão, Brigitte Mayer e muitos outros, para reconstruir o esporte e devolver a dignidade e esperança ao tão massacrado surfe brasileiro.

Segue em anexo o e-mail enviado pela confederação com a procuração anexada, cobrando o documento assinado pela antiga comissão de atletas, importante, CARLOS BAHIA NÃO ASSINOU. Segue também o despacho da nova Comissão Eleitoral cobrando providencias à presidência quanto a eleição, e o Manifesto dos Membros da Comissão Técnica.


MANIFESTO EQUIPE TECNICA E APOIO ELEIÇÃO CBSURF
.pdf
Fazer download de PDF • 3.62MB
E-mail cobrando procuração dos atletas da antiga comissão.
SOLICITACAO DA COMISSAO ELEITORAL
.pdf
Fazer download de PDF • 447KB

602 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page